AVALIAÇÃO DAS APRENDIZAGENS EM MATEMÁTICA: REFLEXÕES E SUGESTÕES

Anastácio Pascoal Epandi Canhanga

Resumo


Os altos níveis de reprovação em Matemática, a contradição que o aluno encontra entre a Prova de Matemática e o tempo disponível para a realização da mesma prova, estes são entre os mais variados elementos que levaram-nos à reflexão neste trabalho de cujo objectivo é, realizar uma reflexão em volta da avaliação em Matemática. No presente artigo, depois de uma breve abordagem e um pouco profunda, levaram também à alguns elementos conclusivos, a partir dos quais fez-se algumas sugestões que se querem pontuais que ajudem a melhorar o sistema de avaliação em Matemática.

PALAVRAS-CHAVE: Avaliação das aprendizagens; aprendizagens em Matemática; reflexões, sugestões.

EVALUATION OF MATHEMATICS LEARNING: REFLECTIONS AND SUGGESTIONS

ABSTRACT

The high levels of reproof in Mathematics, the contradiction that the student finds between the Mathematics Proof and the time available for the same test, are among the most varied elements that led us to the reflection in this work whose objective is, Reflection on mathematics assessment. In this article, after a brief and a bit deep approach, they also led to some conclusive elements, from which some tentative suggestions were made that would help to improve the evaluation system in Mathematics.

KEYWORDS: Evaluation of learning; Learning in Mathematics; Reflections, suggestions.


Referências


Boeri, C. N., & Vione, M. T. (2009). Abordagens em educação matemática.

Davyt, A., & Velho, L. (mar.-jun de 2000). A avaliação da ciência e a revisão por pares: passado e presente. Como será o futuro? História, Ciências, Saúde Manguinhos(VII(1)), 93-116.

Menezes, L., Santos, L., Gomes, H., & Rodrigues, C. (2008). Avaliação em matemática. Problemas e desafios (1ª ed.). Viseu: FCT.

Miranda, D. d. (s.d.).

Moraes, S. P. (2008). Avaliação do processo de ensino e aprendizagem em Matemática: contribuições da teoria histórico-cultural. São Paulo: Tese (Doutoramento em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo.

Pavanello, R. M., & Nogueira, C. M. (Jan./Abril de 2006). Avaliação em Matemática: Algumas considerações. Estudos em Avaliação Educacional, 17, S/N.

Perrenoud, P. (1999). Avaliação: da excelência à regulação das aprendizagens: entre duas lógicas. Porto Alegre: Artmed.

Rabelo, E. H. (2009). Avaliação: novos tempos, novas práticas (8ª ed.). Petrópolis: Vozes.


Texto Completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ROP é referenciada em:

Factor de Impacto(2015)=0.343

 

Índice Compuesto de Difusión Secundaria(ICDS)=0.300/10.000

Procedência geográfica dos nossos leitores:

Map